Base de dados : FILMOGRAFIA
Pesquisa : ID=002196 []
Referências encontradas : 1 [refinar]
Mostrando: 1 .. 1   no formato [Completo]

página 1 de 1


   1 / 1
seleciona
Fotos
Cartaz
ESTRANHO ENCONTRO
Categorias
Longa-metragem / Sonoro / Ficção

Material original
35mm, BP, 92min, 2.535m, 24q, RCA-Victor

Data e local de produção
Ano: 1957
Início de filmagem: 1957.02.00
Final de filmagem: 1957.04.00
País: BR
Cidade: São Paulo
Estado: SP


Certificados
Recensurado com Certificado de Censura Federal n. 17.460, de 20.01.1964, 14 anos, 10 cópias, 90m, trailer.Recensurado com Certificado de Censura Federal n. 17.460, de 21.01.1964, 14 anos, 10 cópias, 2650m.
Data e local de lançamento
Data: 1958.05.28
Local: São Paulo
Sala(s): Ipiranga; Paulista; Jóia; Plaza; Brás; Carlos Gomes; Lins; Brasil; Maracanã


Circuito exibidor
Exibido a partir de 29.05.1958 em São Paulo no São Sebastião e Vitória; a partir de 30.05.1958, no Astral.
Sinopse
Júlia pega uma carona com Marcos, mas o rapaz a conduz até uma casa de campo. A residência pertence a Wanda, com quem Marcos tem um relacionamento. Ao chegar lá, Marcos despista o caseiro Rui e esconde Júlia em um dos quartos da casa. Júlia conta para o rapaz sua história, revelando-lhe que está fugindo de seu antigo companheiro Hugo: um homem maldoso que sofre de neurose de guerra. Rui percebe uma atmosfera estranha na casa e começa a desconfiar. Marcos cada vez mais se sente atraído por Júlia e lhe revela seu caso amoroso com Wanda. Apesar disso, eles se entregam ao prazer. Rui percebe a presença de Júlia e telefona para Hugo pedindo recompensa em troca da informação a respeito do paradeiro da moça. Wanda descobre a traição de Marcos e ambos discutem. Júlia foge pelo jardim da casa, mas Hugo surge à sua frente, ameaçador e implorando sua volta.
Gênero
Drama
Termos descritores
Psicologia; Rio
Descritores secundários
Psicopatologia; Represa
Prêmios
Prêmio do jornal A Tribuna do Paraná, 1958 de Melhor Filme; de Melhor Diretor para Khouri, Walter Hugo; de Melhor Ator para Picchi, Luigi; de Melhor Atriz para Bayard, Andréa..
Prêmio Associação Brasileira de Cronistas Cinematográficos, 1958 do Rio de Janeiro de Melhor Diretor para Khouri, Walter Hugo; de Melhor Ator Secundário para Hingst, Sérgio; de Melhor Atriz Secundária para Brah, Lola..
Prêmio Saci,1958 de Melhor Produtor para Almeida, Abílio Pereira de; de Melhor Diretor para Khouri, Walter Hugo; de Melhor Ator Secundário para Hingst, Sérgio; de Melhor Atriz Secundária para Brah, Lola e de Melhor Compositor para Migliori, Gabriel..
Prêmio Governador do Estado de São Paulo,1958 de Melhor Diretor para Khouri, Walter Hugo; de Melhor Argumento; de Melhor Roteiro; de Melhor Ator Secundário para Hingst, Sérgio; de Melhor Atriz Secundária para Brah, Lola..
Prêmio Cidade de São Paulo, 1958 conferido pelo Júri Municipal de Cinema de Melhor Diretor para Khouri, Walter Hugo; de Melhor Atriz para Brah, Lola; de Melhor Ator Secundário para Hingst, Sérgio; de Melhor Editor para Braun, Lúcio; de Melhor Compositor para Migliori, Gabriel.
Produção
Companhia(s) produtora(s): Cinematográfica Brasil Filmes Ltda.
Produção: Almeida, Abílio Pereira de
Direção de produção: Mello, Newton
Assistência de produção: Santos, Samuel dos

Distribuição
Companhia(s) distribuidora(s): Cinematográfica Brasil Filme Ltda.; Marte Filmes

Argumento/roteiro
Argumento: Khouri, Walter Hugo
Roteiro: Khouri, Walter Hugo


Direção
Direção: Khouri, Walter Hugo
Assistência de direção: Tofani, Sérgio
Continuidade: Santos, Geny

Fotografia
Direção de fotografia: Icsey, Rudolf
Assistência de fotografia: Feminia, Hector
Câmera: Pfister, George

Dados adicionais de fotografia
Foco: Alfonso, Marcial

Som
Técnico de som: Warnovck, Constantino; Magassy, Ernst
Engenharia de som: Hack, Ernest

Montagem
Montagem: Braun, Lúcio
Assistente de montagem: Costa, Gilberto

Direção de arte
Figurinos: Khouri, Dagmar
Cenografia: Massenzi, Pierino

Dados adicionais de direção de arte
Maquiagem: Pisani, Jorge

Dados adicionais de música
Regente Maestro: Migliori, Gabriel

Identidades/elenco:
Sérgio, Mário (Marcos)
Bayard, Andrea (Júlia)
Brah, Lola (Wanda)
Hingst, Sérgio (Rui)
Participação especial:
Picchi, Luigi(Igor)

Conteúdo examinado: S
Fontes utilizadas:
CB/Ficha Filmográfica
O Estado de S. Paulo, 29.05.1958
SM/VCIHCB
AV/ICB
Certificado de Censura Federal
Fontes consultadas:
LRB/CP
FCB/FF
Jornal do Brasil, 07.09.1958
ACPJ/I
ACPJ/CB 10
CENS/I
ALSN/DFB-LM
Observações:
CENS/I informa <Vera Cruz> como companhia produtora e distribuidora; e ainda indica Brasília possivelmente como local de produção.
SM/VCIHCB assinala que "Com a saída de <Zampari, Franco>, o Banco convidou o <Almeida, Abílio Pereira de> para controlar os estúdios da Companhia. Ele fundou uma subsidiária, a Brasil Filmes, que produzia com equipamentos da <Vera Cruz> e utilizava seu estúdio". Na mesma fonte, o cineasta Walter Hugo Khouri confirma que "(...) Mario Audrá havia me convidado para realizar o filme '<ESTRANHO ENCONTRO>' na <Maristela>, cuja estrutura não se comparava àquela da <Vera Cruz>, com seus estúdios montados aos moldes dos estúdios ingleses. A Maristela possuía um estúdio tipo italiano de menor categoria, do tipo Scalétta, e não possuía os equipamentos que o Cavalcanti trouxe para a <Vera Cruz>. Entretanto o <Almeida, Abílio Pereira de> leu o roteiro e propôs que eu realizasse o longa metragem pela <Brasil Filmes>. Aceitei a proposta e iniciei as filmagens de <ESTRANHO ENCONTRO> em fevereiro de 1957, nos estúdios da <Vera Cruz>. Essa filmagem foi uma experiência extremamente positiva onde aprendi muito e, apesar da <Brasil Filmes> não ter dinheiro, eu contava com toda a estrutura da Vera Cruz".




página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Pesquisa avançada   
Pesquisar por : Pesquisa simples   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH powered by WWWISIS