Base de dados : FILMOGRAFIA
Pesquisa : ID=002839
Referências encontradas : 1 [refinar]
Mostrando: 1 .. 1   no formato [Completo]

página 1 de 1


   1 / 1
seleciona
Fotos
QUANDO ELAS QUEREM

Filme desaparecido  
Categorias
Curta-metragem / Silencioso / Ficção

Material original
35mm, BP, 16q

Data e local de produção
Ano: 1925
País: BR
Cidade: São Paulo
Estado: SP


Data e local de lançamento
Exibição especial: 1925.11.18; 1925.04.18
Local exibição especial: São Paulo; Rio de Janeiro
Sala(s): Visual Filme


Circuito exibidor
Exibido em São Paulo, em 1926, no República, segundo AV/FF.
Exibido no Rio de Janeiro, no Parisiense, segundo Selecta de 09.12.1925.
Exibido em Juiz de Fora, segundo Cinearte de 17.03.1926, sem especificação de sala ou data.
Sinopse
Clarinda é filha adotiva de Alberto da Silva, industrial em crise devido ao excesso de estoques. Benedito Silveira, representante de uma firma européia interessada nos produtos de Alberto, flertava Clarinda, apesar de ser relativamente velho. Bastaria o coração de Clarinda lhe pertencer para que o problema dos estoques acumulados se resolvesse. Clarinda porém, não quis ou não soube compreender as intenções amorosas de Benedito. Ela aproveitava seu tempo em passeios na companhia de Laura, aviadora de grande experiência e sua amiga de infância. A crise crescente da fábrica obriga os acionistas a se reunirem várias vezes. Dispensas de empregados são inevitáveis. Antonio Martins era um jovem acionista da empresa que ocupava a maior parte do seu tempo em clubes e cabarés. Apresentado a Clarinda passou a cortejá-la, terminando por declarar seu amor. Mas Clarinda não pensava em outro afeto que não o de seu pai adotivo. Enquanto isso os negócios da firma agravam-se. Benedito desiludido quanto ao amor de Clarinda apronta-se para viajar ao exterior. Com isso Alberto fica desesperado. Clarinda, sabendo da grave crise que a atitude de Benedito desencadearia, resolve agir rapidamente. No avião de Laura dirige-se a Santos na esperança de alcançar Benedito antes do embarque. Este já estava na escada do vapor. Clarinda implora-lhe que volte a São Paulo e, como prova de seu amor filial, compromete-se a se casar com ele assim que o contrato estivesse assinado. O dia da assinatura foi o mais belo de sua vida pois salvou seu pai da ruína. Foi, também, um dia de renúncia que reprimiu todas as esperanças de uma mocidade irrequieta. (Resumo da estória publicada em A Scena Muda, n. 242, 12.11.1925)
Gênero
Drama romântico
Descritores secundários
Indústria; Aviação
Termos geográficos
Santos - SP
Produção
Companhia(s) produtora(s): Visual Filme
Produção: Fagundes, Adalberto de Almada

Distribuição
Companhia(s) distribuidora(s): Matarazzo

Argumento/roteiro
Argumento: Fagundes, Adalberto de Almada
Roteiro: Fagundes, Adalberto de Almada


Direção
Direção: Trincheira, Paulo; Kerrigan, E. C.

Fotografia
Operador: Barros, Luiz de

Identidades/elenco:
Fronzi, Cesar (Antonio Martins)
Letti, Laura (Clarinda)
Carmelo, Bertoli (Alberto da Silva)
Tarantino, Salvador (Benedito Silveira)
Marangoni, Emilio (Luis Teixeira)
Fronzi, Yolanda
Jércolis, Jardel
Barros, Luiz de
Fuina, Regina
Machado, Anésia Pinheiro (Laura Ferreira)

Conteúdo examinado: N
Fontes utilizadas:
MRG/CCP
AV/FF
EOQ/ASM
Fontes consultadas:
LB/MMC
ACPJ/I
AV/ICB
CS/FCB
JCB/OESP
Selecta
Cinearte
Observações:
Selecta de 09.12.1925, p. 25, faz uma crítica severa do filme.
Fotografias: Selecta, 07.03, 25.04 e 01.08.1925.
ACPJ/I indica o produtor, <Gauthier, William> e o operador, <Comello, Pedro>.
CS/FCB inclui no elenco <Myrka, Mado> (a florista).
MRG/CCP citando outras fontes, informa que o filme tinha ótimas qualidades e Cinearte, nos números de 26.05.1926 e 14.03.1928 reforça estas opiniões.
Cinearte de 23.11.1927 comenta o entrave à distribuição que estaria sendo colocado pela Agência Matarazzo.




página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Pesquisa simples   
Pesquisa avançada
 
  Entre uma ou mais palavras
    
  Todas as palavras (AND)    Qualquer palavra (OR)
 



Search engine: iAH powered by WWWISIS